Festival de Woodstock | Três dias de paz e musica

2.1.14
woodstock
Em 15 de agosto de 1969 começava ao norte de Nova York um festival de rock em que se apresentaram os mais conhecidos músicos do gênero. O evento entrou para a história como auge e crepúsculo da geração hippie. (Crédito do texto: dw.de)
Ninguém tinha mais de 30 anos entre os 400 mil jovens que acamparam durante três dias, comendo, bebendo, dormindo e fazendo amor ao ar livre. E fumando maconha. Quem esteve em Woodstock de 15 a 17 de Agosto de 1969 afirma que foi a maior manifestação de paz de todos os tempos. Para as más linguás, a descontração foi resultado de enorme consumo de drogas praticando durante o evento pelos jovens representantes da ''geração das flores''
Untitled
O que estava planejado era algo totalmente diferente. Os quatro jovens de Bethel, no estado de Nova York, que alugaram para o festival de rock o ar livre a propriedade rural de Max Yasgur, de 250 hectraes, contavam com a participação de no máximo uns 80 mil hippies

O festival em Woodstock não foi o primeiro a ser realizado ao ar livre em fins da década de 60. E, para os hippies de verdade, até hoje o festival de Monterey, realizado na Califórnia no verão setentrional de 1967, continua sendo o acontecimento. Mas a ele compareceram apenas 50 mil pessoas. Woodstock reuniu pelo menos oito vezes mais.

E o que Woodstock significou, no fundo, foi a rejeição dos Estados Unidos a tudo o que Nixon representava. Nada expressou tão bem essa rejeição quanto a guitarra de Jimi Hendrix, entoando o hino nacional entrecortado pelos sons de bombas. Um ano antes de sua morte, o astro consagrava-se como o airo guitarrista de rock de todos os tempos. Hoje Woodstock tem a aura de um mito, provavelmente também por representar o crepúsculo do movimento hippie.
O festival do amor e da paz rendeu lucros para seus organizadores, que ganharam com os áudios e vídeos produzidos sobre o evento. Na lembrança, permanece a imagem de um mar de lama preenchido pelo lixo deixado pelos participantes: a chuva que caiu em Woodstock só faz reforçar o mito.
 Woodstock | via Facebook

Vale a pena assistir:
Aconteceu em Woodstock
Em 1969, o jovem Elliot Tiber (Demetri Martin) abandona sua carreira em Nova York para ajudar os pais a administrar um pequeno hotel da familia no interior, que está falido e prestes a ser confiscado pelo banco. Ao ouvir boatos de que um festival de música hippie teve sua licença cassada numa cidade vizinha, Elliot decide oferecer a propriedade aos produtores, para salvar o negocio de familia. Três semanas depois, meio milhão de pessoas aparecem para a celebração que definiria rumos de uma geração e influenciaria a cultura popular de forma definitiva. (Adoro Cinema)
 Beijos, Aloha! 

4 comentários:

  1. Adorei o seu blog e fiquei com vontade de ter participado desse festival, sério. Você é bem diferente. Amei!!
    Seguindo.
    http://dedodemenina.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada mesmo <3' esse festival foi incrivel e os artistas melhores ainda!
      haha obrigada flor.
      Beijinho

      Excluir
  2. nossa, queria participar de um festival assim! Imagina que bacana?
    www.crisedosvintepoucos.blogspot.com

    ResponderExcluir

Obrigada pela visita e pelo comentário!
Eu sempre respondo todos os comentários, então volte sempre!
* Clique em notifique-me pois quando eu responder uma notificação irá para o seu e-mal.